Bairros de Nova York: Conheça o Upper West Side

Nova York Passear

Manhattan é uma ilha singular. Comparada a cidade de São Paulo, você chega a considerá-la pequena. Mas se levar em conta a quantidade de pessoas que habitam a ilha e suas histórias, etnias, religiões, essa pequena ilha abriga toda uma reprodução do Planeta Terra.

Isso quer dizer que cada rua, cada bairro, é diferente e possui suas peculiaridades. Sem brincadeira, de uma rua para a outra, dependendo de onde você está, o ambiente pode mudar da água para o vinho, da riqueza para um estranho caos antigo.

lincoln_center

Assim, vou começar uma série agora onde contarei um pouco mais sobre os bairros de Nova York. Uma ótima forma para quem está vindo para a cidade e quer saber qual bairro tem mais a sua cara, qual bairro se sentiria melhor morando ou qual bairro quer conhecer melhor.

Nova York divide-se em cinco distritos: Brooklyn, Bronx, Queens, Staten Island e, lógico, Manhattan. Começando então porManhattan, vamos invadir o Upper West Side, ou aportuguesado, o Lado Oeste de Cima. O primeiro bairro onde morei em Nova York!

Broadway, como sempre, atravessa esse bairro, que começa no lado Oeste da 59th Street estendendo-se até a 125th Street. Suas divisas são: Oeste, o Rio Hudson; Leste, a Avenida Central Park West, do ladinho do lado Oeste do Central Park, claro.

As quadras ao redor da 72th Street formavam o centro de imigrantes vindos da Alemanha e do Leste Europeu, em sua maioria judeus liberais e intelectuais. Justificando assim a existência de um dos maiores marcos do bairro, o Lincoln Center com suas óperas, ballets e apresentações teatrais. O bairro ficou conhecido como sendo o lar dos mais importantes artistas e intelectuais.

Lincoln Center, tirei essa foto na saída da orquestra Mostly Mozard

Os arredores do Central Park West abrigam prédios caros de empresas, que tem uma estonteante vista do Central Park. E é bem ali, na esquina da 72th Street com o Central Park West, onde o famoso The Dakota Building fica localizado. O prédio construído em 1880, foi declarado patrimônio nacional em 1976 e ficou conhecido por dois grandes fatos: o assassinato de John Lennon na porta do edifício e as filmagens do “Bebê de Rosemary” e “Vanilla Sky”.

The Dakota

Entre 1970 e 1980, as avenidas Columbus Amsterdam tornaram-se sofisticadas, mas o bairro agora é colocado muitas vezes como subúrbio de Manhattan devido a ocupação de muitas famílias. Mesmo assim, a área ainda é considerada chique e lá existem diversos dos melhores e mais elegantes restaurantes da Big Apple. Siga pela Amsterdam Avenue começando por volta da 67th Street até a 110th Street, opções não faltam.

É no Upper West Side que se encontra também a região de Morningside Heights, onde o principal marco é aUniversidade de Columbia, junto com o Bernard, o Teachers College e a Cathedral of St. John the Divine, a maior catedral gótica do mundo. Essa região é altamente jovem e lar de milhares de estudantes.

E claro, Tom’s Restaurant, o famoso café da série Seinfeld e que também serviu de inspiração para a música Tom’s Diner da Suzanne Vega.

O Upper West Side também é o lar do famoso Museu Americano de História Natural, o mesmo do filme “Uma noite no Museu”com Ben Stiller. O museu é um passeio imperdível de NY e está na lista dos “Top 10″ de todo viajante.

Museu de História Natural, logo na saída da estação 81th Street da linha B e C do metrô

Foto: vista do Rockfeller Center; by Mike Skliar

*—*—*—*—*—*—*—*—*—*—*—*—*—*—*—*—*—*—*—*—*—*—*—*—*

O que você não pode deixar de conhecer no Upper West Side:

– Columbus Circle
– Lincoln Square & Lincoln Center
– The Dakota Building
– Beacon Theater
– Museu Americano de História Natural
– Firemen’s Memorial
– Tom’s Restaurant
– Cathedral of Saint John the Divine
– Columbia University

Anotou? : )

(Post originalmente publicado por mim no blog Embaixador STB)

*photo credit: leonem and Marty.FM

No Comments Write a comment

Designer interativa, publicitária por formação e jornalista por vocação, Bruna Calheiros mudou para Nova York para fazer seu mestrado em Interactive Telecommunication pela Universidade de Nova York (Tisch-NYU). Hoje trabalha como UX Designer na Estée Lauder e sua paixão é viajar pelo mundo nas horas vagas.

No Comments

Leave a Reply

Web Analytics