Bairros de Nova York: Visite o Chelsea

Arte & Cultura Nova York Passear

Aqui no blog, além de contar sobre minhas experiências morando em Nova York, procur0 sempre dar dicas incríveis para ajudar os leitores a explorar a cidade. De tempos em tempos, pego algumas dessas dicas – e outras mais – e reúno em um post detalhando melhor os bairros de Nova York, ajudando assim a você montar seu próprio tour pela cidade.

Já passou por aqui o Upper West SideHell’s Kitchen e a região da Times Square. Agora é a vez do Chelsea, um bairro que passou por diversas mudanças e revitalizações nos últimos anos e hoje é um destino chique e não tão explorado entre os turistas.

Chelsea é a região que fica no lado Oeste (West Side), começando na 7ª Avenida e indo até o Rio Hudson. De Norte a Sul, ele vai da Rua 30 até a Rua 14 (30th Street to 14th Street). A região é primordialmente residencial, contando com diversos predinhos tipicamente americanos e complexos residenciais.

Porém, como disse, o bairro continua em puro desenvolvimento e recebe hoje diversas startups (o Google e o Vimeo, por exemplo), novos prédios de apartamentos com arquiteturas ultra modernas e hotéis luxuosos.

Sobretudo, o que me fascina no Chelsea são as dezenas de galerias de arte espalhadas pelas ruas. Isso porque o bairro antigamente era uma área industrial. Com o tempo por conta de diversas complicações sociais e ambientais, essas indústrias fecharam e a região continuou com seus enormes armazéns.

Lugar perfeito para artistas que precisavam de espaço para expor sua arte.

Escultura em Lego de Nathan Sawaya que vi na Agora Gallery

Pequenas, tranquilas e com excelentes exposições, as galerias do Chelsea são um must-do em NY e a região é indispensável para os amantes de arte. Minha galeria favorita é a Agora Gallery, sempre que vou lá me surpreendo com os quadros e esculturas, totalmente incríveis.

Andar de galeria em galeria no Chelsea é uma maneira fabulosa de curtir uma tarde em Nova York, ou mesmo uma noite, quando diversas das mais famosas galerias fazem vernissages abertas ao público com queijos, champagne e vinho para acompanhar. Chique!

Mas, como disse, são dezenas de galerias na região que você pode conhecer cada uma delas (e montar seu itinerário) por esse site aqui de grande utilidade pública: Chelsea Gallery Map.

 

Além das galerias, outros pontos imperdíveis do Chelsea são:

 – Chelsea Market: o melhor mercado gourmet de Nova York. O mercado se divide em diversas lojas especializadas como massas, frutos do mar, frutas e legumes, óleos, queijos, vinhos, temperos, embalagens, entre muitas outras. Endereço: 9ª Avenida, número 75 – entre as Ruas 15 e 16, Manhattan – Nova York.

  – Highline Park: Um parque/jardim suspenso no meio de Manhattan, onde é possível relaxar e ter uma vista incrível da cidade. De um lado, Hudson River, do outro, a incrível Big Apple. Ainda finalizando sua construção, o Highline Park foi oficialmente inaugurado em 9 de Junho de 2009 e é um destino ainda desconhecido entre a maioria dos turistas que passam por Nova York. Para subir as escadas e conhecer o Highline Park localizado no West Side de Nova York, existem algumas entradas, todas na10ª Avenida: 20th Street, 19th Street, 16th Street e 14th Street.

 – Prédio da IAC: uma das construções modernas mais incríveis de NY, esse prédio é a casa de diversas empresas bacanas da internê, como o Vimeo, College Humor, OkCupid, Ask, entre outras. Além disso, ele é o berço de experimentações interativas que acontecem por aqui. Inclusive, a matéria Big Screens do meu mestrado na NYU foi criada para explorarmos algo único desse prédio: uma tela gigantesca que fica no térreo do edifício. O projeto final é exibido em uma noite luxuosa aberta ao público. Endereço: Rua 18, número 555 West, Manhattan – Nova York.

 – Budakkan: o restaurante mais belo que eu visitei em Nova York. A maioria dos restaurantes em Manhattan costuma ser super apertados dada a falta de espaço e o preço dos imóveis, porém você irá ficar impressionado com esse majestoso restaurante. A cozinha asiática passa longe do tradicional e é uma verdadeira delícia. As porções são pequenas e o preço não é dos mais amigáveis, mas é uma experiência para a vida. Nele foi gravado um dos filmes da série Sex and The City, então já dá para imaginar o glamour. Endereço: 9ª Avenida, número 75 – entre as Ruas 15 e 16, Manhattan – Nova York (isso mesmo, fica colado com o Chelsea Market!).

(Post originalmente publicado por mim no blog Embaixador STB)

*photo credit: joiseyshowaa

No Comments Write a comment

Designer interativa, publicitária por formação e jornalista por vocação, Bruna Calheiros mudou para Nova York para fazer seu mestrado em Interactive Telecommunication pela Universidade de Nova York (Tisch-NYU). Hoje trabalha como UX Designer na Estée Lauder e sua paixão é viajar pelo mundo nas horas vagas.

No Comments

Leave a Reply

Web Analytics